Cine Pedal Brasil Floripa 2016

13227049_816837341794284_5546318177710018667_n

Não é todo o dia que a você pode ajudar a projetar um filme com a sua energia!

A 1ª edição do Cine Pedal Brasil te convida a participar de um fim de semana inédito. Durante os dias 28 e 29 de maio, a Praça Bento Silvério na Lagoa da Conceição recebe um encontro de pessoas que querem fazer diferente.

Vem de Bike transformar várias histórias e contá-las com um final bem mais feliz :) O nosso evento é gratuito e ao ar livre. Mesmo quem não tem Bike pode ver os filmes e os debates. Vamos falar de acesso democrático ao conteúdo audiovisual, energia limpa e mobilidade urbana em uma experiência interativa e colaborativa, que fica ainda mais inesquecível junto da família e dos amigos.

Os filmes:

Bike vs Carros – Com roteiro e direção de Fredrik Gertten, o filme aborda a questão da mobilidade urbana e como a indústria automobilística influencia nas políticas públicas das cidades.

O Menino e o Mundo – Sofrendo com a falta do pai, um menino deixa sua aldeia e descobre um mundo fantástico dominado por máquinas‐bichos e estranhos seres. Uma inusitada animação com várias técnicas artísticas que retrata as questões do mundo moderno através do olhar de uma criança.
E todo mundo sabe que uma pedalada e uma sessão de filmes dá aquela fome. Por isso, nossas Foodbikes estarão à postos para agradar aos mais diversos paladares. É só pegar o camelo e vir com a gente!

1º Cine Pedal Brasil

Programação:
15h l Abertura do evento: inicio de cadastro de voluntários e ativação das tendas de relacionamento
16h l Subida da Tela e início de música;
17h l Diálogos Com o Público – debate entre representante do filme a ser exibido e profissionais ligados à sua temática;
18h30 l Exibição do filme;
21h l Fim da programação.
Entrada gratuita

Abertura da segunda edição do Circuito Moçambique Surf 2016 acontece neste sábado, em Florianópolis (SC).

 Abertura da segunda edição do Circuito Moçambique Surf 2016 acontece neste sábado, em Florianópolis (SC). Foto: Rafael Boca.


Abertura da segunda edição do Circuito Moçambique Surf 2016 acontece neste sábado, em Florianópolis (SC). Foto: Rafael Boca.

A primeira etapa do 2º Circuito Moçambique Surf 2016 terá início neste sábado (9/4), na praia do Moçambique, em Florianópolis (SC).

Já na primeira etapa, serão distribuídos R$ 15 mil em prêmios e quatro pranchas Tractor Surf Boards nas categorias Open, Interna, Master e Junior.

Na categoria Expression Session, o atleta que fizer a manobra mais alucinante leva uma prancha zerada da Lost, prêmio oferecido pela loja virtual Black’s Boardhouse.

Para o campeão da categoria Open do circuito, pelo segundo ano consecutivo estará em disputa uma passagem internacional para o Peru patrocinada pela agência de viagens Boll Turismo. Em 2015, o grande campeão do circuito foi o surfista de Florianópolis Ronaldo Silveira.

O prazo das inscrições se encerra no dia 6 de abril. O custo é de R$ 50 por categoria e as vagas são limitadas.

Locais de Inscrição

– Kanoas Bar (Rodovia João Gualberto Soares – 6680 – bairro Rio Vermelho – Floripa), das 12 às 15h.

– Lotéricas e Agências da Caixa Econômica Federal.

Dados da conta para depósito: agência 3392, código 013, conta poupança 3236–3, em nome de Rafael Castro Teixeira.

O comprovante de depósito deve ser enviado para o email surfnareal@hotmail.com. Para obter mais informações, entre em contato com Rafael Boca pelo telefone (48) 9965-2901 ou com Rodrigo Franzoni pelo telefone (48) 9646-4789.

*Colaborou Equipe Shoreline Surf Skate

Documentário sobre a história do surfe em Florianópolis terá exibição gratuita no CIC

Equipe que produziu o filme fez uma série de filmagens nas praias da capital catarinense 
Foto: Marcos Delboux/ Site oficial Pegadas Salgadas

Pegadas Salgadas’ mostra como o surfe contribuiu para determinar o perfil cultural, social e turístico da Capital.

O cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) exibirá a partir de sexta-feira, 11, o documentário “Pegadas Salgadas” (2012, 76min). O filme será exibido às 20h, com entrada gratuita. A exibição ocorre também sábado e domingo, no mesmo horário.

Dirigido por Luciano Burin, o documentário oferece um panorama de como a cultura do surfe se faz presente de maneira decisiva na Ilha de Santa Catarina, contribuindo para determinar o perfil cultural, social e turístico de Florianópolis.